Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

segunda-feira, 3 de agosto de 2015

"Cinco Dias de Vida" de Julie L. Timmer

Terminei este livro com uma lágrima no canto do olho e por várias vezes me emocionei com a sua leitura. São duas histórias que decorrem paralelamente quase não existindo ligação entre elas. O elo de ligação é a internet, dois amigos virtuais que não se conhecem pessoalmente e que nunca se encontram.

As suas vidas são marcadas por diferentes acontecimentos, que muito bem poderiam suceder a qualquer um de nós. Os temas são diversos e passam pela adopção provisória, pela sua aceitação ou não por parte dos membros de uma família, e vão até a doenças incapacitantes (Doença de Huntington) que mudam por completa a vida de quem as tem ou da sua família. Como adoptar sem que haja uma entrega total e quando é que se está preparado para deixar ir embora quem se amou como um filho verdadeiro? Como se vive com uma doença que cada dia que passa nos consome as forças e nos limita cada vez mais, até passarmos a um estado vegetativo?

Soctt e Mara são os protagonistas destas histórias e não se conhecem. São amigos na internet. As suas vidas não se cruzam verdadeiramente. Nunca se cruzam verdadeiramente...

Gostei muito desta leitura. A vida é assim mesmo. Vários caminhos, várias histórias. Alguns pontos de contacto. Poucos e muitas vezes virtuais. Umas têm um final feliz. Outras não.
Uma leitura empolgante. Um final que dói.

Terminado em 25 de Julho de 2015

Estrelas: 5*

Sinopse

Mara é uma advogada de sucesso, tem um casamento feliz, é uma mãe dedicada. Tem, também, uma doença devastadora que esconde do marido e da filha pequena. Ama-os demasiado para aceitar ser um fardo para eles. E tudo corre bem durante alguns anos. São anos maravilhosos mas sobre os quais paira a sombra da sua decisão aquando do diagnóstico: viverá enquanto puder manter-se digna. Agora que o seu corpo está finalmente a ceder, Mara estabelece um doloroso prazo: dentro de cinco dias, acabará com a sua própria vida.
A mais de mil quilómetros de distância, Scott tem também apenas cinco dias para cuidar de Curtis, um menino que acolheu em sua casa e que será agora novamente entregue à mãe, que está prestes a terminar uma pena de prisão. Foi com Scott que Curtis conheceu a estabilidade e o amor e desfrutou plenamente da infância pela primeira vez. O que o espera é uma angustiante incógnita. Para proteger Curtis, Scott tem agora de abdicar dele para sempre.
Mara e Scott são duas pessoas em contagem decrescente. Inesperadamente, as suas vidas vão cruzar-se e unir-se numa amizade que os acompanhará ao longo da semana mais difícil das suas vidas. E, no final dessa dura semana, qual deles estará feliz? Qual estará de luto? E qual deles terá desaparecido para sempre?

Sem comentários:

Enviar um comentário