Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

terça-feira, 14 de julho de 2015

"Conversas com a Minha Gata" de Eduardo Jáuregui

Se eu, à partida, leria este livro? Não!

Se eu ficaria apaixonada pelo título ou pela capa? Também não.

Mas os livros são assim mesmo: às vezes surgem na nossa vida um pouco por acaso. Com este assim foi.

Não tendo qualquer tipo de relação com nenhum animal, estes livros que abordam a interação homem/ animal, não constituem para mim uma atracção particular. Gosto de animais mas... ao longe. Não sei falar-vos, por essa razão, da empatia que se cria entre um animal e o seu dono, dos laços de amizade estabelecidos, da fidelidade e do amor que o ser humano recebe dos animais de quatro patas.
Por isso, para mim, este livro foi uma aventura. E se querem saber, uma aventura bem sucedida.

Uma gata que fala. Que surge num momento crítico de vida de uma mulher, a Sara. E que a vai ensinando como recuperar a sua vida. Ou melhor, uma nova vida. Aos poucos. Como ganhar de novo um caminho. Mas será que Sibila, a gata, fala mesmo com Sara? Ou é através de outra forma que a ensina?

Não posso deixar de referir o belíssimo trabalho do autor. Conseguiu na perfeição colocar-se no papel de uma mulher, com os seus sentimentos conturbados após uma crise matrimonial, nos seus desejos e na sua vontade de mudança. A mim enganou-me completamente: suspeitando que fosse um livro autobiográfico, já ia eu a meio do livro, procurei a badana para ler algo referente à "autora". O espanto foi susbstituido pela admiração.


Um exercício de escrita que achei espectacular, cheio de imaginação mas também cheio de pequenos ensinamentos. Um livro que se lê num sopro. Recomento vivamente!

Terminado a 13 de Julho de 2015

Estrelas: 5*

Sinopse

Em vésperas do seu 40.º aniversário, Sara Léon, uma espanhola emigrante em Londres, dá-se conta de que não é uma mulher feliz. O trabalho na empresa já não a entusiasma. A relação com Joáquin está próxima do fim. Em Espanha, a crise económica afeta de forma irreversível a sua família. E como se isto não bastasse eis que entra na sua vida, através de uma janela, Sibila, uma elegante e misteriosa gata abissínia falante que prova conhecer mais sobre a vida de Sara do que a própria.
De olhar penetrante, um sentido de humor peculiar e uma sabedoria milenar, Sibila dispõe-se a ajudar Sara a enfrentar os desafios e a acreditar novamente nos seus sonhos. Contudo, há um problema: Sara receia que Sibila não seja mais do que um sintoma precoce de perturbação mental. Desde quando é que os gatos falam? Há muitos caminhos para chegar à felicidade, mas os gatos conhecem todos os atalhos.

2 comentários:

  1. Também tenho para ler e sou como tu em relação aos livros sobre animais/pessoas. Assim sendo acho que até fiquei com mais vontade de ler :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Morrighan! Grata pela tua visita! Acho que vais gostar. Será que os animais falam connosco? Bjinho

      Eliminar