Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

"O Meu Irmão" de Afonso Reis Cabral

Fiquei em estado de choque com esta leitura! Aliás, ainda estou... Confesso que já tinha conversado com algumas amigas da Roda dos Livros que, sem desvendarem a trama, me fizeram esperar qualquer coisa de "esquisito", mas nada me preparou para o final escolhido pelo autor. Terrível e inesperado! Talvez um pouco sem esperança num mundo melhor, acho! O que não impede que este livro esteja escrito irrepreensivelmente!

A história é-nos contada na primeira pessoa, por um homem com cerca de 40 anos. Fala-nos da sua vida, alternando entre um passado e um presente que sentimos/adivinhamos diferente e conflituoso. A sua personalidade roça a esquizofrenia, e vai alternando entre um amor (que nos parece fingido ou pelo menos com um carácter doentio, obsessivo) sentido pelo irmão mais novo, portador de Síndrome de Down, e um sentimento misto de raiva/ ciúme por esse mesmo irmão, por tudo o que ele acha que lhe é dado gratuitamente, sem qualquer esforço só porque é "mongolóide"! Sim, é um pequenino spoiler para vos mostrar como a escrita de Afonso Reis Cabral chega a ser dura quando pretende retirar-nos da nossa passividade!

Fiquei, por isso, espantada com a escrita do escritor: sóbria, cuidada mas, por vezes, agressiva, que "mexe" connosco e nos inquieta. Gostei especialmente da diferente abordagem de um tema que habitualmente é tratado de uma forma um pouco lamechas e que leva o leitor a sentir empatia muito grande com todos aqueles que rodeiam alguém com Síndrome de Down e pelos próprios, claro! Aqui, não se sente esse tipo de empatia pelo personagem principal, mas não se consegue deixar de ficar agarrado ao livro, sempre à espera de perceber que sentimento rege esse irmão mais velho e porque quer ele tomar conta de alguém de quem esteve afastado mais de vinte anos...

Uma primeira obra que me cativou. Espero mais ainda de uma segunda! Vamos ver o que tem este autor na gaveta.

Terminado em 14 de Janeiro de 2015

Estrelas: 5*

Sinopse

Vencedor do Prémio LeYa 2014 A relação entre dois irmãos, um deles deficiente mental, que têm de aprender a viver juntos Com a morte dos pais, é preciso decidir com quem fica Miguel, o filho de 40 anos que nasceu com síndrome de Down. É então que o irmão – um professor universitário divorciado e misantropo – surpreende (e até certo ponto alivia) a família, chamando a si a grande responsabilidade. Tem apenas mais um ano do que Miguel, e a recordação do afecto e da cumplicidade que ambos partilharam na infância leva-o a acreditar que a nova situação acabará por resgatá-lo da aridez em que se transformou a sua vida e redimi-lo da culpa por tantos anos de afastamento. Porém, a chegada de Miguel traz problemas inesperados – e o maior de todos chama-se Luciana. Numa casa de família, situada numa aldeia isolada do interior de Portugal, o leitor assistirá à rememoração da vida em comum destes dois irmãos, incluindo o estranho episódio que ameaçou de forma dramática o seu relacionamento. "O Meu Irmão", vencedor do Prémio LeYa 2014 por unanimidade, é um romance notável e de grande maturidade literária que, tratando o tema sensível da deficiência, nunca cede ao sentimentalismo, oferecendo-nos um retrato social objectivo e muitas vezes até impiedoso.



1 comentário: