Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

terça-feira, 4 de novembro de 2014

A convidada Escolhe: A Noite das Mulheres Cantoras

"a noite das mulheres cantoras" é um romance de Lídia Jorge contado em forma de monólogo 21 anos depois da narradora e personagem ter vivido os acontecimentos. O tema é o da persistência para alcançar um objetivo, um sonho, mas também a destruição do indivíduo relativamente ao coletivo, nem que para isso seja necessário não olhar a meios para atingir os fins. O livro aborda não só os sacrifícios e renúncias que são necessários para atingir a fama, como a idolatria que por vezes se constrói à volta de uma personagem mais carismática, com forte poder de persuasão e com muita ambição de sucesso. Tudo gira à volta de um grupo que se propõe transformar-se em banda musical, editar um disco e fazer por fim um grande espetáculo. A pressão é muito forte, os obstáculos são ultrapassados à custa de algumas vítimas e do desmoronamento de amizades, mas os objetivos são alcançados quase na totalidade. Havendo dinheiro e contactos tudo se consegue, parece ser o lema.

Toda a história é recordada 21 anos depois num grande espetáculo em que participou a que havia sido a principal mentora e a mais obstinada do grupo. Encontravam-se na assistência as restantes cantoras com exceção de uma, a principal vitima deste projeto que fora demasiado ambicioso para a sua condição social e as suas forças e que todos fizeram por esquecer. Do ambiente que se vivia nos anos oitenta, com convenções mas também com o rompimento brutal com as mesmas, passando por uma certa libertinagem, dá-nos Lídia Jorge uma boa perspetiva, nesta sua obra, para além de nos fazer refletir sobre as prioridades que cada um determina para a sua vida.

Texto da autoria de Maria Fernanda Pinto

1 comentário:

  1. Olá :)

    Gostei imenso deste livro.
    Lídia Jorge é uma escritora a reter, sem qualquer objeção.

    Boas leituras!

    ResponderEliminar