Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

"O Grande Rebanho" de Jean Giono

A capa deste livro atraiu-me. Se é sobre as "Guerras", quer se trate da Primeira ou da Segunda vou gostar, pensei! Gostei, é certo. Não foi, porém, uma paixão à primeira vista, ou melhor, às primeiras páginas.

A leitura surgiu-me em flashes, localizados em dois espaços diferentes, unidos pelo mesmo ambiente, a guerra: de um lado, uma aldeia que se vê despida de homens novos onde restam apenas os velhos, as mulheres e as crianças e, no outro, as trincheiras com todos os gritos, os medos, o horror!

Depois começa-se a distinguir a história de alguns personagens, a forma como as suas vidas estão ligadas e de que maneira a guerra veio cortar os seus sonhos e os seus planos. Saber que o autor esteve presente nesse horror que foi a Primeira Guerra, torna as cenas ainda mais verdadeiras e algumas vezes aparentemente surreais, tal é o realismo apresentado.

Não me apaixonei à primeira, é certo, mas a meio do livro estava rendida! Recomendo!

Para mais informações sobre o livro veja Editorial Presença aqui!

Terminado em 18 de Outubro de 2014

Estrelas: 4*

Sinopse

No ano em que se assinala o centenário do início da Primeira Guerra Mundial, a Presença publica aquele que é um dos grandes romances europeus sobre o tema e um clássico da literatura do século XX, O Grande Rebanho.
O autor, tendo ele próprio participado no conflito, denuncia os horrores e o absurdo da guerra, descrevendo-os com um realismo chocante em algumas das cenas bélicas mais cruas alguma vez recriadas em termos literários. Temos a perceção da vulnerabilidade da vida humana diante da violência numa visão que é profundamente humanista e que contrapõe sempre a essa violência uma forte presença da natureza e do ser humano.

Sem comentários:

Enviar um comentário