Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

"Quando Fores Mãe Vais Ver" de Ana Saragoça

Querem um livro super divertido para intercalar com leituras mais pesadas? Uma leitura que se faz em pouco mais de uma hora? Em que não param de sorrir ou mesmo gargalhar? Em que comentam: "Ai, que eu já disse isto!"?

Com um humor muito próprio, Ana Saragoça, consegue de uma forma perspicaz, juntar muitas frases que todas as mães dizem e que juraram nunca o fazer... contando alguns momentos reais por que passou ou passa. Revemos-nos em muitos deles, como mães ou como filhas, e isso permite que a boa disposição se instale em nós.

Um hino à alegria mas também um hino ao amor das mães que com as suas preocupações chegam ao ponto de exagerar, não deixando de ter razão, muitas das vezes!


Deixo um pequenino extracto que vos vai fazer sorrir. Passa-se quando a forma de vestir de um filho não é exactamente aquela que uma mãe gostaria...

"Hão-de dizer que a tua mãe é uma porca!
Serei lerda, admito, mas demorei anos a perceber o que esta frase queria dizer. Mesmo quando percebi, a ideia não se encaixou muito bem dentro da minha cabeça. A noção de alguém olhar para mim na rua ou na escola e imediatamente fazer juízos de valor sobre a higiene da minha mãe era demasiado rebuscada. Em primeiro lugar porque eu não estava suja. Em segundo porque ninguém esperava que uma adolescente fosse lavada pela mãe. Eu lavava-me sozinha desde os oito anos (...)"

Não acham uma delícia? O livro está cheiinho de um humor maravilhoso que me fez andar com um sorriso interior todo o dia...

Terminado em 29 de Dezembro de 2013

Estrelas: 5* (essencialmente pela boa disposição com que fiquei ao terminar a leitura!)

Sinopse

Criar filhos exige doses gigantescas de paciência, estoicismo, resistência e imaginação. Ao cabo de milénios desempenhando primordialmente esse papel, as mulheres de todo o mundo acabaram por desenvolver um léxico quase comum, um glossário de frases feitas que todas ouviram às mães, e todas juraram que nunca repetiriam aos filhos - com os resultados que se conhecem.


O vocabulário das mães é verdadeiramente um colar, mas não de pérolas. É mais daqueles a que se vão acrescentando penduricalhos ao longo da vida, sem nunca retirar nenhum. O folclore materno tem frases certeiras em todas as áreas e para todas as fases de crescimento dos filhos: infância, adolescência e idade adulta - embora, para as mães, o conceito de idade adulta nos filhos seja altamente discutível. E, claro, com a chegada dos netos, nunca perdem uma oportunidade de nos inundar de novo com a sua imensa sabedoria...»

2 comentários:

  1. Já fiquei curiosa...vivo dizendo coisas que minha mãe já dizia e que, quando ela dizia, eu achava um horror!

    Feliz 2014!

    Abraço do Pedra do Sertão:

    www.pedradosertao.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Adorei! É muito divertido este livro! Bjinho

      Eliminar