Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

segunda-feira, 9 de setembro de 2013

"A Menina Sem Nome" de Marina Chapman

Sempre gostei de ler histórias verídicas. Qualquer história é uma forma de entrarmos na vida de alguém e de a conhecermos mas, uma história verdadeira é, para mim, algo que me apaixona profundamente. São vidas diferentes daquela que vivemos habitualmente... Este livro conta-nos uma vida que dava um filme. Acredito na veracidade desta estória (já que a escritora tentou transcrever todos os acontecimentos vividos pela narradora da forma mais exacta possível) mas ela é um pouco inacreditável. Fantástica, eu diria!

Convém esclarecer que este livro foi escrito por uma filha de Marina e por uma escritora com base nos relatos da própria Marina, já que ela com as dificuldades na linguagem que ainda possui não o conseguiria fazer por si só.

Conta-nos uma parte da vida de Luz Marina, uma criança raptada e posteriormente abandonada na selva colombiana. Não sabemos o motivo desse rapto nem a razão porque a abandonaram pouco tempo depois. Nem ficamos a saber, digo-vos já. Essa é uma das razões porque espero ansiosamente que este livro não se fique por aqui... Há muitos aspectos que gostaria de ver resolvidos mas quantos raptos não ficaram por solucionar! Quantas famílias desfeitas!

Algumas coisas aconteceram porque o lugar e o tempo jogaram a seu favor. Passou-se na Colombia e há muitos anos (Marina já é avó), num país onde o desaparecimento de crianças era quase um acontecimento banal. Muitas crianças viviam na rua. A fome imperava, bem como o medo e o abandono. Marina, nome adoptado por esta menina muito posteriormente, foi mais uma... A diferença é que ela sentiu, muitas vezes, que os seus amigos macacos(com os quais viveu alguns anos) lhe conseguiram dar mais amor e ensinamentos do que os humanos que veio a conhecer. A diferença é que mesmo sem carinhos humanos, ela sonhou sempre com uma família a quem dar e receber amor. E lutou por isso!

Os acontecimentos trágicos, as "coincidências" inexplicáveis", o caracter desta "menina sem nome", tudo leva a que fiquemos presos a este livro que é uma verdadeira lição de vida. Porque, mesmo nos momentos mais difíceis, Marina recusa-se a desistir... E podendo escolher, ela resolve caminhar afastada das drogas, da prostituição. As suas escolhas, sempre baseadas no instinto, levam-na a ultrapassar os obstáculos que surgem no seu caminho.

Recomendo! O único senão é ficarmos ansiosos por um novo livro que continue a história... As fotos recentes são elucidativas. Queria saber mais pormenores da sua vida actual.

Terminado em 6 de Setembro de 2013

Sinopse

Entregue a si própria, Marina vagueou durante dias a chorar pela mãe. Como conseguiu uma criança de tenra idade sobreviver em condições tão hostis? A resposta desafia todas as nossas convicções: Marina foi "adotada " por uma família de macacos. Nos anos que se seguiram, eles seriam os seus guardiões. Com eles aprendeu a buscar alimentos, a proteger-se dos predadores e a viver em comunidade. Quando foi encontrada, cinco anos depois, o seu estado era completamente selvagem. Arrancada à floresta por caçadores, foi vendida a um bordel onde sofreria maus-tratos diários até ter a coragem de fugir. Encontrou refúgio nos meandros da selva urbana e no seio de um gangue de meninos da rua. Mas a infância de Marina não tinha ainda terminado. De alguma forma, acabara de começar.
Um livro de memórias único e uma lição de vida inesquecível. A forma carinhosa como Marina foi acolhida pela família de macacos quando os seus semelhantes a trataram com tão imperdoável crueldade mostra-nos o quanto temos a aprender com os animais e é a derradeira prova da força do espírito humano.

8 comentários:

  1. Bolas, é impressionante o que realmente ainda acontece em certos sítios do globo. Já tinha lido a sinopse do livro mas nunca me tinha chamado muito a atenção. Mas agora fiquei com vontade de ler :)
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E eu fiquei com muita vontade de saber ainda mais sobre esta história. Fiquei impressionada com a vontade férrea de Marina em escolher um caminho "bom"... Bj

      Eliminar
  2. Tambem li e adorei! Fiquei foi curiosa sobre os pais dela. Será que nunca os procurou?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
    2. Sara, essa é uma das razões que nos levam a querer saber mais da história...bj

      Eliminar
    3. Livro fantástico! Simplesmeite AMEI! Que lição de vida!!

      Eliminar
  3. Queria saber como adquirir esse livro no Brasil. Alguém pode me ajudar? Obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Será que foi publicado aí, no brasil? Às vezes o nome difere, tal como a capa...

      Eliminar