Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

segunda-feira, 6 de maio de 2013

"Trás-os-Montes" de Tiago Patrício


Edição/reimpressão: 2012
Páginas: 164
Editor: Gradiva Publicações
ISBN: 9789896164782
Coleção: Gradiva

Este livro foi-me emprestado e recomendado por um amigo do Clube de Leitura Roda dos Livros, onde trocamos impressões e livros, claro!

Gostei mas não me apaixonou verdadeiramente, porque senti falta de uma história condutora de todo o enredo que me fizesse ficar presa às pequenas histórias que aqui são descritas. 

No entanto, o autor expressa de uma forma admirável as peripécias de quatro crianças num local, algures em Trás-os-Montes, onde a forte ligação à terra e aos animais era marcante. Marcada é também a infância destes quatro amigos pela dura realidade que as envolve, pelas relações familiares muitas vezes violentas, o que as leva a transportarem essa dureza e essa violência para os seus próprios conflitos. As suas aventuras e descobertas são o resultado do meio duro em que vivem e foi com alguma aflição que li certas passagens mais fortes, onde é espelhada uma crueldade às vezes própria de crianças que são obrigadas a crescer muito rápido.

Terminado em 28 de Abril de 2012

Estrelas: 4*

Sinopse

Em Trás-os-Montes «vivem» quatro crianças, no coração de uma aldeia com duas igrejas, dois cemitérios, duas estações ferroviárias e um comboio a vapor que faz a sua última viagem. Numa zona de fronteira situam-se as hortas, as devesas, os lameiros e os palheiros onde o gado passa a noite. As crianças, com demasiado tempo livre depois das aulas, ficam na rua até ao anoitecer e as sombras ocupam-lhes os pensamentos. Nessa altura, as distracções dos adultos tomam a forma de desejos perigosos. É então que podem ser tentadas a ultrapassar a imitação e pretender consumar actos de adulto, como conduzir um automóvel, fumar um cigarro, aceder à literatura para adultos, atear um incêndio ou realizar um funeral. De leitura apaixonante, este é um romance surpreendente que conjuga de forma magistral a ruralidade, os anseios íntimos e aquilo que de universal existe na alma humana. Uma verdadeira grande revelação.

Sem comentários:

Enviar um comentário