Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

terça-feira, 1 de janeiro de 2013

A convidada escolhe... O teu rosto será o último


Este vais ter de me emprestar, Fernanda! Já ando para o ler há algum tempo... (Cris)

"No Verão, e após a atribuição do prémio confesso que este livro me captou logo a atenção pelo tema que aborda. Na Feira do Livro não lhe resisti, estava ainda fresquinho, acabado de sair do prelo.

De facto não me desiludi com os elogios de que foi alvo, e também eu, gostei.

Este é um romance forte, diria mesmo, duro, com temas que podem chocar. Mas que, pela veracidade dos mesmos, e na minha geração ainda conhecemos por dentro estas vivências, nos faz revê-los ou revivê-los, consoante os casos. E para quem não passou por eles constitui um despertar de consciências.

E dureza traduz-se não apenas nas circunstâncias e referências, como é o caso da guerra do Ultramar, ou das Colónias, como entendam, e das suas repercussões e sequelas nas vidas dos que por lá passaram e suas famílias, mas também pela linguagem que emprega.

Essa linguagem, que pode melindrar, é a dos personagens, e nos quais se enquadra. Não é gratuita nem descontextualizada.

Neste livro viajamos por três gerações de uma família e lemos nas linhas, mas também muitas mais vezes nas entrelinhas os impactos do nosso séc. XX, que o livro atravessa.

Um livro de que mexeu com as minhas memórias e me desassossegou, de que gostei muito e recomendo, com ressalvas para os mais sensíveis nas questões da linguagem.

Um livro que terminei e senti como um nó no peito e um murro no estômago."

Fernanda Palmeira

15 comentários:

  1. Já o tenho para ler e será dos próximos.
    Feliz 2013!

    oqueoslivrosmedizem.blogspot.com

    ResponderEliminar
  2. Para mim foi uma agradável surpresa, já o li e gostei bastante, muito bem escrito e o autor consegue prender-nos até ao fim, recomendo a sua leitura. :)

    ResponderEliminar
  3. Já o tinha debaixo de olho mas depois da opinião da nossa Palmeirinha... tenho de ler!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Helena, normalmente as opiniões da Fernanda coincidem com as minhas...

    ResponderEliminar
  5. Miguel, tb pretendo ler em breve! Será para Fevereiro?

    ResponderEliminar
  6. JPP, as opiniões que tenho lido apontam para uma escrita forte mas coerente com o discurso das personagens... Também quero muito lê-lo.
    Macy, acho que vamos gostar. Só nos falta é colocá-lo no cimo da pilha, ah?

    ResponderEliminar
  7. Já li também no final do Verão e trata-se de um livro muito forte que reflecte uma vivência e uma cultura muito acima de um autor tão jovem como é o João Ricardo Pedro. As personagens são muito consistentes e densas e alguns dos capítulos não conseguem deixar-nos indiferentes, antes o seu conteúdo fica a martelar-nos na cabeça. Foi um dos muito bons livros que li em 2012. Dá vontade, mal se acaba de lê-lo, de voltar ao princípio, para tentar lembrar alguns detalhes deste livro que é um puzzle complexo cujas peças se vão encaixando à medida que vamos prosseguindo na leitura. Leitura a não perder! Almerinda Bento

    ResponderEliminar
  8. Olá Almerinda! Sei que as tuas leituras são muito direccionadas para os problemas actuais e o que acabaste de dizer apimentou mais a minha curiosidade. Imprescindível mesmo esta leitura, não? Bom ano!

    ResponderEliminar
  9. Este é daqueles que está no eu desfio para 2013. Tenho sempre algum receio de ler livros em que as críticas são sempre muito boas, mas dou mais importância às opiniões dos leitores (outros bloggers) do que aos chamados críticos sérios.
    Aqui a nossa Fernanda Palmeira, já me tinha aconselhado este livrinho que segundo ela "é a minha cara"!
    Conto ler lá para Março ou Abril e depois nessa altura, voltamos a conversar!
    Boas Leituras a Todos
    Bom 2013

    ResponderEliminar
  10. Também gostei do livro.
    Deixo aqui o comentário que fiz sobre a obra:
    http://sugestaodeleitura.blogspot.pt/search/label/O%20Teu%20Rosto%20Ser%C3%A1%20o%20%C3%9Altimo

    ResponderEliminar
  11. É muito bom ver que as opiniões são coincidentes. E como diz a Almerinda Bento, também me apetecia relê-lo, não fosse o tamanho da pilha dos que estão por ler...
    Continuo a pensar que é a tua cara, Nuno Chaves e vão adorar, Cris e Teresa!!
    Um livro que nos põe a pensar!!

    ResponderEliminar
  12. É bom ler opiniões coincidentes. Este é, de facto, um livro que nos faz pensar.
    E como diz a Almerinda Bento apetecia-me relê-lo, não fosse o tamanho da pilha de leituras.
    E aconselho mesmo. Continuo a pensar que é a tua cara, Nuno Chaves e sei que vão gostar, Cris e Teresa.

    ResponderEliminar
  13. Ora viva a todos(as)! Mais uma bookocolic em bom português , maluquinha por livros e leituras (quando não há mais nada as embalagens de cereais também servem de leitura ao pequeno almoço.).Não li o livro e confesso que não me tinha atraido. Mas sendo a Fernanda minha amiga e consultora de leituras há muitos anos ( quer dizer... há alguns que nós somos moçoilas na casa dos trinta e pouco eh eh ) irei ler de seguida. É otimo ter um sítio para falarmos desta nossa paixão! Contem comigo e... parabéns leitores da minha terra!!

    ResponderEliminar
  14. Olá, Min! Amiga de uma amiga, minha amiga é! Aparece sempre que és muito bem vinda!

    ResponderEliminar