Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Coração em segunda mão de Catherine Ryan Hyde


Edição/reimpressão: 2010
Editor: Europa-América
ISBN: 9789721061347


Peguei neste livro pensando que iria ser uma leitura leve, despretensiosa e que seria uma love story simples com um final previsível. Enganei-me! Mais uma vez a sinopse levou-me por caminhos que não correspondiam verdadeiramente à leitura ...

Escrito a duas vozes, somos confrontados, primeiro, com a vida de Vida, uma mulher/criança que devido a um problema grave de saúde, precisa com urgência de um transplante de coração. A morte ronda-lhe os sonhos e esperanças!

Creio que a autora soube captar maravilhosamente os sentimentos de quem nada espera, de quem se habituou a olhar para a vida através de uma janela. Isso cativou-me rapidamente e embrenhei-me nesta leitura avidamente, sentindo que as minhas expectativas iriam ser superadas em breve!

A outra voz surge-nos de outro protagonista principal, Richard, que vive ou sobrevive à morte da esposa. Também aqui, Catherine soube transmitir na perfeição os sentimentos de profunda perda, de luto, de desespero.

Quando este personagens se encontram dá-se uma explosão... Não literalmente! Uma explosão de sentimentos que nos levam a devorar (e aqui sim... literalmente) as páginas deste livro surpreendente. O tema principal - será que há uma memória celular, que leva as pessoas transplantadas a reconhecer vivências e gostos do dador? - mexe com as nossas certezas e faz-nos questionar. A razão e o coração lado a lado!

Gostei da forma como a autora soube dar uma reviravolta ao final do livro - que o leitor tem quase a certeza de conhecer... - e deixar algumas ideias em aberto. Recomendadíssimo!


Terminado em 20 de Dezembro de 2012

Estrelas: 5*

Sinopse

Uma rapariga. Vida tem 19 anos, está doente e pode morrer a qualquer momento. Uma nova esperança, um coração alheio, fá-la compreender que só pode viver se outra pessoa morrer. Um homem. Richard perdeu a sua esposa num acidente. A dor e o sofrimento levam-no a querer conhecer a rapariga que recebeu o coração da sua mulher. Um coração. No hospital, Vida conhece Richard e apaixona-se por ele. Pode um coração em segunda-mão unir duas pessoas?

Sem comentários:

Enviar um comentário