Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

terça-feira, 17 de julho de 2012

A convidada escolhe... Os últimos dias de Pôncio Pilatos


Já li este livro. Escrita "diferente", como afirma a Marília. Vejam aqui a minha opinião. (Cris)


"A ideia de um evangelho escrito por Pôncio Pilatos foi para mim motivo de grande curiosidade: como abordaria a escritora tal tema, como retrataria um homem com um tal estigma  para sempre proscrito pelo seu acto de omissão e de cobardia? O que teria acontecido aos escritos, como saberia Põncio a história de vida de Cristo se só o conheceu no fim...?

A escritora levou-nos, pela mão de Cláudia sua mulher, a percorrer a culpa e arrependimento de toda uma vida, tornando-se ela própria a personagem  central da história.

Gostei da forma como a escritora desenvolveu a história, e na realidade foi ao encontro daquilo que eu esperava numa abordagem a este capitulo da História da Humanidade...se tudo foi previamente determinado, o perdão tem que subsistir sempre ao julgarmos Pôncio.

Com uma forma de escrever no mínimo diferente, é no início difícil entender quem narra a história, mas essa dificuldade vai-se esbatendo ao longo do livro, exigindo no entanto alguma concentração.

Finalmente direi que é um livro bonito que gostei muito de ler!"

Marília Gonçalves

Sem comentários:

Enviar um comentário